Quando Matilda nasceu, Clare Tawell, sua mãe, ficou desanimada por não conseguir encontrar bonecas que se parecessem com sua filha. A criança, hoje com quatro anos, é surda e Clare procurava brinquedos que usassem aparelhos auditivos iguais o da menina. Foi então que ela decidiu criar brinquedos inclusivos com as próprias mãos. Aos 39 anos, ela comanda a organização sem fins lucrativos Bright Ears UK, no Reino Unido.

Fiquei muito desanimada quando não consegui encontrar uma boneca ou qualquer brinquedo com aparelho auditivo. O que me pareceu foi que a sociedade não considerava a minha filha como alguém importante e, portanto, ela não deveria ser ‘reconhecida’”, disse Clare, em entrevista ao portal do Today Show‘.

Além de Matilda, Clare é mãe de outra criança e trabalha como técnica de radiologia. Seu trabalho com as bonecas é feito durante o tempo livre. Tanta dedicação tem um objetivo lindo: permitir que todas as crianças com deficiência tenham brinquedos que se pareçam com elas.

– Esta mãe não conseguia encontrar uma boneca com cabelo natural como o das filhas; por isso decidiu criar uma

Desde o início do trabalho, em 2017, a ativista conseguiu vender mais de dois mil bonecos — e os pedidos têm aumentado cada vez mais. Atualmente, uma parte do estoque está esgotado tamanha demanda recebida. Além de compras individuais, há pedidos por parte de escolas e instituições que querem ensinar seus alunos sobre inclusão.

Clare espera que, num futuro próximo, seus produtos e outros semelhantes sejam encontrados em qualquer loja de brinquedos.

Por/ Redação Hypiness

 

Fotógrafo: