Manu Dibango era um grande nome do jazz, tendo composto sucessos como ‘Soul makossa’

Paris, França – O célebre saxofonista camaronês Manu Dibango, um astro do jazz, morreu nesta terça-feira (24/3) aos 86 anos, poucos dias depois de contrair o novo coronavírus, informaram pessoas próximas ao artista.

O compositor de Soul makossa, uma das músicas mais famosas dos anos 1970, é o primeiro artista que falece devido à Covid-19.
O funeral será uma cerimônia íntima e uma homenagem será organizada posteriormente, quando possível, afirma a página do músico no Facebook.
Soul makossa, a música que o tornou famoso em todo o planeta,  foi resgatada por Djs de Nova York de um álbum anódino lançado por ocasião de um campeonato de futebol africano.
Por/Agência France-Presse
24/03/2020